Ir para o conteúdo

PARTICIPA MARANHÃO

plataforma digital de participação popular do maranhão

ou

Acessos - comunidade

  • 158 comentários
  • 253949 acessos
 Voltar a Blog
Tela cheia Sugerir um artigo

SEDIHPOP PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA EM ALUSÃO AO DIA NACIONAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA

20 de Novembro de 2019, 19:05 , por Maxwell Guerra Cunha Santos - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 32 vezes

Foi realizada nesta terça-feira (19) audiência publica em alusão ao Dia Nacional da Consciência Negra, comemorado dia 20 de novembro.

A audiência foi fruto de um requerimento do deputado Zé Inácio a pedido do Conselho Estadual de Igualdade Racial e teve como tema “Da escravidão aos dias de hoje: O que mudou para a população negra do Maranhão!?”.

Representantes do movimento negro no estado e de movimentos sociais participaram, expondo as dificuldades que o povo negro tem enfrentado ao longo dos anos e ressaltando a importância da luta em defesas dos direitos e da vida do povo negro.

A Secretária Adjunta de Participação Popular da SEDIHPOP Creuzamar de Pinho participou do evento e falou sobre a necessidade dos negros se auto afirmarem perante uma sociedade majoritariamente preconceituosa. “Todos os dias somos confrontados com situações de racismo. Isto ocorre muitas das vezes sem que o autor do ato saiba que aquilo é de fato um ato preconceituoso e racista. Não podemos nos calar e baixar a cabeça diante dos absurdos. Negar a existência do racismo é fazer o jogo das elites.”      

Para o deputado estadual Zé Inácio, “As conquistas alcançadas pelo povo negro no Brasil e no maranhão são significativas, mas o caminho ate que se tenha igualdade de direitos e mais respeitos pelo povo negro ainda é longo e árduo. O feriado estadual do dia 20 de novembro é mais que uma data importante no nosso calendário, é um dia de luta, mais um dia de luta e por isso o feriado deve ser mantido. A suspensão do feriado é um ato que pode ser visto como discriminatório e esse é mais um dia para lutarmos contra a retirada de direitos e buscar novas conquistas. Já foi apresentado recurso contra a decisão do TJ que suspense o feriado e acredito que essa decisão será reformada em instâncias superiores”.

Durante a audiência houve palestra do Doutor e Mestre em Ciências Sócias-Política (PUC/SP), Silvio BemBem, que fez um apanhado histórico das conquistas e das angústias dos negros no transcorrer dos tempos.

Também participaram do debate Socorro Guterres, secretaria adjunta de Igualdade Racial; Mari-Silva Maia da Silva, presidente do Conselho Estadual De Defesa Dos Direitos Humanos; Jacinta Maria Santos, presidente do Conselho Estadual da Política de Igualdade Étnico Racial; Egberto Magno, representante da Frente em Defesa do 20 de Novembro; Jean Carlos Nunes Pereira, titular do Núcleo de Direitos Humanos da Defensoria Publica do Maranhão e Eric Morais, presidente da Comissão da Verdade da Escravidão Negra da OAB.


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

* campo é obrigatório

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.